29 de Setembro - Dia Mundial do Coração

Você está em: São Bento > Notícias > 29 de Setembro - Dia Mundial do Coração

Dia 29 de setembro é o Dia Mundial do Coração, data instituída pela Federação Mundial do Coração – World Heart Federation – para incentivar ações de prevenção contra os malefícios coronários. As campanhas visam conscientizar a população – atletas ou sedentários – não apenas sobre a realização de exames preventivos, mas também quanto à adoção de hábitos alimentares saudáveis e a prática esportiva.

“É uma data para reforçar as ações de prevenção”, conta o Dr. Marcelo Cantarelli, cardiologista da Angiocardio e diretor da Sociedade Brasileira de Hemodinâmica e Cardiologia Intervencionista. O Dr. Marcelo lembra que o número de mortes por enfarto em mulheres no mundo é seis vezes maior do que por câncer de mama. “É a segunda causa de morte no País, 300 mil pessoas por ano morrem de enfarto de miocárdio no Brasil. No mundo são mais de 17 milhões”.

Segundo o doutor, o primeiro passo que uma pessoa deve dar no Dia Mundial do Coração é se perguntar “O que eu já fiz pelo meu coração?”, como explica ele. “Muitas doenças não são detectadas até estarem em um estágio avançado. É um órgão interno, às vezes tem algo errado, mas não está aparente”, diz o Dr. Marcelo.

Hoje em dia, a procura pelos exames antes do início de uma prática esportiva é mais comum no Brasil. “Há uma educação maior quanto a isso, o brasileiro já criou essa cultura”, comenta o médico.

“A primeira coisa é ir ao médico para medir se o coração é saudável como se pensa”, afirma. Para quem já pratica atividade física, o recomendado é que nesse exame seja realizado um teste de esforço físico para saber se o coração responde normalmente à demanda do corpo.

O cardiologista alerta para quem resolve começar a correr sem conhecer sua condição. “O teste é que pode dizer se ele pode correr”, esclarece. Um teste ergométrico avalia as reações cardiovasculares do indivíduo, como pressão, frequência cardíaca e possíveis arritmias.

A partir desse momento, caso não apresente irregularidades e nem fatores de risco – como pressão alta, obesidade, sedentarismo, estresse, colesterol alto, diabetes, tabagismo ou herança familiar – a pessoa pode começar a prática das atividades físicas. Em caso contrário, evidentemente, deve se iniciar o combate ao fator de risco em questão.


Exercícios são aliados do coração - Para o Dr. Marcelo, hábitos saudáveis são fundamentais para o bom funcionamento do órgão. “Cuidados com a alimentação e atividade física regular auxiliam no combate aos fatores de risco”, conta o médico.

A prática de exercícios regula a pressão, diminui o grau de glicemia, combate a obesidade, o stress e auxilia na substituição de vícios, como o tabagismo. “A pessoa substitui o vício no cigarro pelo vício saudável em endorfina – o hormônio liberado pela atividade física que dá prazer”, esclarece.

Não é necessário ser um superatleta para reduzir os riscos. “Uma caminhada de no mínimo 30 minutos por dia, três vezes por semana, já é o suficiente para uma pessoa não ser considerada sedentária”, explica Dr. Marcelo.

Alimentação não precisa ser radical - Uma alimentação balanceada não é sinônimo de comida sem sabor. “O mais importante é que a pessoa tenha conhecimento do que é bom e do que é ruim para o organismo”, comenta o especialista. O médico acrescenta que é preciso ter a consciência do que não faz bem e saber dosar, sem ser radical. “Não precisa deixar de comer a pizza no final de semana”, brinca o doutor.

“É só saber que comidas tem excesso de gorduras saturadas e evitar abusos de sal ou açúcar”, conta ele. Uma alimentação que inclua legumes, verduras, grãos e cereais é o mais indicado. Carnes e massas são permitidas, mas deve-se evitar as mais gordurosas ou que levem muito molho. “Prefira uma carne grelhada a um strogonoff”, comenta.

Azeite e castanhas são mais calóricos – não indicados para quem quer emagrecer - mas extremamente saudáveis para o coração. “Basta incluí-los na sua alimentação. Pouco a pouco você vai se reeducando”, conclui o cardiologista.

Acompanhe:
facebook
Ligou-Chegou: 4002-4342
© 2010 Drogaria São bento. Todos os direitos reservados
A Drogaria São Bento reserva-se no direito de corrigir ou alterar informações e preços a qualquer momento.
Em caso de dúvida entre em contato conosco.
Tecnologia: Mais Empresas